Wednesday, 26 March 2008

ABSTRACT DREAM


Derek Carlson photo at:
http://surrealistcmpsr27.deviantart.com/

*..*.
.*

ABSTRACT DREAMING

Image: Derek Carlson
Text: Michèle Sato


It is raining without rainbow
and the puddle is too full
some goldfishes breach the surface
making bubble, stopping gaze
or swimming so graceful


A tiny steam
leaves the surface
as a surreal painting so fair


The brush of the paint
makes the sky red
and the beauty explodes in the air


It is a parade of colors
feelings, sensation and esteem
wondering whisper as a wind
approaching to the flame of love
sex, desires and abstract dream

(October07)

*..*.
.*


CARACOL ECOLOGISTA

(Publicado na revista SINA, nov07)

*..*.

.*

CARACOL ECOLOGISTA

(Texto e imagem de Michèle Sato)


Será o ambiente…

uma paisagem da geografia;

uma vida da biologia;

uma práxis da pedagogia;

e um olhar da filosofia,


Lá, onde o azul toca o verde

na poeira das estrelas
e no cheiro das gramíneas

uma lenda se move e um mito se abre

na estação propícia que a terra acaricia


Diálogos Fecundos, Espontâneos, Mágicos...


No aceitar a pressa

para florescer no ócio

na sensível escolha

que amanhece sem teto

e adormece sem chão

no tempo que vaza

na incerteza do alicerce

na memória do amor


Assim o Caracol caminha

protegido em sua dureza

sorrindo em sua moleza

para que o ardor da promessa

seja o acalento da esperança

*..*.
.*

Monday, 24 March 2008

PIPA


Manipulação de foto de
http://mental.deviantart.com/art/Blue-Skies-and-Pain-1346746

levemente modificado

*..*.
.*


Lancei meus sonhos
como um menino içando pipas...


No azul do céu,
ele lambeu algodão doce,
viajou em estrelas


e voltou na linha
do horizonte de esperanças



~ Michèle Sato: pipa
(Para Ronaldo Senra, meu pedagogo querido)

*..*.
.*

ORPHEU


Manipulação de imagem, original de Octavian Fiorescu (divine flame)
http://florescu.deviantart.com/art/THE-DIVINE-FLAME-22726420

*..*.
.*

na dança
em círculo
o mito

na superfície lisa
a esfera criava
Eros, o amor

no cósmico
desenho
o rito


no espaço de brisa
o cometa voava
Orpheu, o canto


Gaia...
pela vida
o grito!


~ Michèle Sato: Orpheu
(Para Herman de Oliveira, meu músico querido)

*..*.
.*

MATA CAVALO


O quilombola Mata Cavalo localiza-se em Nossa Senhora do Livramento, MT, e coletivamente junto com o Grupo Pesquisador de Educação Ambiental (GPEA) da UFMT, combatem o racismo ambiental pelos processos de pesquisa, docência e vivência comunitária e sob a regência da Educação Ambiental. O artista plástico Rono Figeueiredo doou esta tela ao GPEA com plenos direitos autoriais ao projeto.

Rono Figueiredo: http://www.ronofigueiredo.blogspot.com/

Conheça mais sobre Racismo e Justiça Ambiental em:
http://www.ufmt.br/gpea/ax%E9_dudu.htm

*..*.
.*

MATA CAVALO

~ Michèle Sato

A memória percorre
entre barbáries
a dor
sangues frios
nas vagas ondas de navios negreiros
a herança

A estrada prossegue
entre pelejas
a luta
lâminas frias
nos opressivos poderes espinheiros
a intemperança

A partilha revive
entre diálogos
o pão
águas frias
nos territórios quilombos justiceiros
a esperança

*..*.
.*

PEDRA E RIACHO

Capa da Revista Brasileira de Educação Ambiental
Brasília, número especial sobre redes
Fotografia e design: Bené Fonteles, artista plástico

http://www.mac.usp.br/projetos/arteconceitual/fonteles.htm

*..*.
.*

A PEDRA E O RIACHO

manhãs de brisa
no verde da mata
um raio de sol

acorda o riacho
espreguiça em dança
banha as margens

na lua cheia
esculpi cantos
e beija a pedra


~ michèle sato, a pedra
esculpida por bené fonteles, o riacho

*..*.
.*